Livro desvenda Beatriz Brandão, poetisa, prima de Marília de Dirceu. Na Mesa com a autora Cláudia Pereira

Entrevistas , ,

Beatriz Brandão, apesar de belíssima escritora e uma das mulheres pioneira nas letras e na imprensa brasileira, ainda era um mistério, envolto nas brumas que costumam ofuscar o brilho de mulheres, principalmente à sua época. Nascida em Vila Rica, em 1779, século XVIII, estava fadada ao lar e afazeres domésticos, mas ousou ter voz e ultrapassar os limites que lhe eram reservados na sociedade.

Muito pouco se sabe sobre Beatriz Brandão. Era prima de Maria Dorotéia Joaquina de Seixas, a amada de Tomás Antônio Gonzaga, que ficou eternizada em seus versos como Marília de Dirceu. Os poemas dedicados a ela são dos mais belos capítulos da chamada “Arcádia Mineira”.

Dos poetas árcades, muito se fala, mas sobre as mulheres permanecia uma lacuna, que intrigava Cláudia Gomes Pereira. Carioca (Pós-doutora em Letras, pela Universidade de Lisboa; Doutora e Mestre em Letras-Literatura Brasileira, pela UFMG), Cláudia afirma: “A ausência das mulheres no cânone literário sempre me incomodou. Sempre tive certeza de que as mulheres escreveram muito, embora os nomes mais conhecidos da Literatura, especialmente a nossa, sejam masculinos”.

A curiosidade em torno do tema foi aguçada com a mudança para Minas: “Quando vim morar em Ouro Preto, terra da Literatura Árcade no Brasil, quis pesquisar sobre escritoras mulheres do período. Fui atrás de Bárbara Heliodora e encontrei Beatriz”, diz a pesquisadora.

Segundo Cláudia Pereira: “Beatriz Brandão foi uma mulher de vanguarda. Em uma época em que as mulheres não tinham o direito nem de frequentar escolas, ela se fez professora,  compositora, poetisa e, o mais difícil, foi reconhecida pela sociedade em todos esses papéis. O fato de ela ter sido uma mulher muito à frente de uma época foi o que me chamou mais atenção na biografia dela, além da excelente qualidade de seus textos.!”

Beatriz foi das primeiras brasileiras a publicar um livro. Em Vila Rica, fundou a primeira escola de moças local (em 1820) e tornou-se uma das maiores educadoras e intelectuais do século XIX.

Apesar das muitas poesias que escreveu, Beatriz e sua obra caíram no esquecimento. Por isso, Cláudia se debruçou sobre arquivos, num trabalho minucioso: “Foram 20 anos em arquivos de Ouro Preto, do Rio de Janeiro e de Lisboa, em busca de sua história e de seus textos. Li documentos manuscritos os mais variados,  como testamentos e livros de tombo, além de mais de dois mil exemplares de jornais da época. Desta busca minuciosa surgiram poemas esparsos que reuni em um único livro, do qual faz parte também um estudo biográfico sobre a  autora.”

Entre outras passagens da vida de Beatriz Brandão, a pesquisadora descobriu que: “em 1839, após pedir divórcio do marido (sim, o termo era mesmo “divórcio”!), foi autorizada, pelo Juízo Eclesiástico, a viver separada de seu cônjuge. Partiu, então, para o Rio de Janeiro, onde, aos 60 anos de idade, recomeçou a vida.”

A partir de então, tornou-se amiga de importantes escritores, descobriu Cláudia: “publicou no periódico O Marmota Fluminense (o mesmo que lançou Machado de Assis como poeta), no Parnaso Obsequioso de Januário Barbosa e em inúmeros jornais cariocas. Em 1856, publicou seu primeiro livro, Cantos da Mocidade.”

Beatriz Brandão, apesar de suas inúmeras e belíssimas poesias, ficou conhecida menos por sua obra e mais pelo fato de ser prima primeira de Maria Dorotéia Joaquina de seixas, a festejada musa do inconfidente Tomás Antônio Gonzaga.

Agora, o livro  Contestado Fruto: A Poesia de Beatriz Brandão (1779-1868),  (que Cláudia lançou pela CLEPUL –  Centro de Literatura e Cultura Lusófonas e Europeias da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa), tornou-se no mais completo relato sobre a vida e obra da poetiza. Quem se interessar mais pelo assunto, e quiser adquirir o livro pode entrar em contato pelo email:  opclaudia@uol.com.br

Agora, o site blimabracher.com te convida para sentar-se à mesa com Cláudia Gomes Pereira, essa carioca que ama o Rio, “mas não tem a menor vontade de sair de Ouro Preto. Aqui, tudo é magia, história, alma, poesia.”

BB – A gastronomia pra você é?
CP – Gastronomia, para mim, é um deleite. Uma experiência com força poética.

BB – Um sabor da infância.
CP – Doce de leite talhado.

BB – Um restaurante inesquecível.
CP – Dois. Mr. Lam, no Rio, e Rui Paula, no Porto.

BB – Qual o seu prato favorito?
CP- Bobó de camarão.

BB – Vinho ou cerveja?
CP – Vinho.

BB – Quais?
CP – Os alentejanos. Qualquer um deles!

BB – Doce ou salgado?
CP – Doce.

BB – Qual?
CP – Pastel de Belém.

BB – Cite um ou mais restaurantes imperdíveis em BH.
CP – Glouton e Taste-Vin

BB – E em Ouro Preto?
CP – O Passo;  Casa do Ouvidor e Chafariz.

BB – E em Tiradentes?
CP – Angatu.

BB – Um chef
CP – Charles Cristiano, do O Passo Pizza Jazz.

BB – Um sabor de Minas
CP – Hummmm! Feijão tropeiro.

BB – Com quem gostaria de dividir a mesa?
CP – Adélia Prado e Maria Bethânia

BB – De quem dispensaria a companhia?

CP – Temer

BB- Um sabor indigesto.
CP – PSDB vale?

BB- Literatura e gastronomia se integram?
CP – Literatura e gastronomia se relacionam sempre. São experiências que exigem sensibilidade e o uso simultâneo de todos os sentidos. Tudo a ver!

Texto: Blima Bracher

Fotos: Divulgação

Leia também em www.portaluai.com.br

digitalizacao-3
O livro Contestado Fruto, que pode ser pedido pelo e-mail opclaudia@uol.com.br

 

12 thoughts on “Livro desvenda Beatriz Brandão, poetisa, prima de Marília de Dirceu. Na Mesa com a autora Cláudia Pereira

  1. Parabéns Cláudia por trazer para o mundo tecnológico de hoje,uma obra literária de uma escritora que merecia ser ou já deveria estar juntamente com grandes poetisas como Cecília Meireles,reconhecida pelo talento em escrever numa época em que as mulheres eram simples adornos para serem apresentadas ou ostentadas por seus “esposos”.
    Você é muito especial,com certeza quero obter este livro.Adoro poemas e literatura sempre foi uma disciplina em que obtia exelentes notas no magistério,justamente por ter lido uma boa parte de livros da biblioteca da E.E.”Dom Veloso” e da municipal dw Ouro Preto.

  2. Kit Completo Email Marketing Profissional

    Alcance Seu Publico Alvo

    Descrição Do Kit Completo Email Marketing:

    1 Software De Envios Emails Em Massa

    1 Kit Completo Listas De Emails Empresas E Comercio Profissional Mais De 150 Milhoes De Email

    1 Software Extrator De Emails Url Em Massa

    1 Bonus Brinde: Curso Completo Email Marketing Profissional

    Site: http://www.kitcompletoemail.vai.la

    Skype: Power-Tecnology

    Telegram : PowerEmails

    Whatsapp: (11)95142-6402

  3. Kit Completo Email Marketing Profissional

    Alcance Seu Publico Alvo

    Descrição Do Kit Completo Email Marketing:

    1 Software De Envios Emails Em Massa

    1 Kit Completo Listas De Emails Empresas E Comercio Profissional Mais De 150 Milhoes De Email

    1 Software Extrator De Emails Url Em Massa

    1 Bonus Brinde: Curso Completo Email Marketing Profissional

    Site: http://www.kitcompletoemail.vai.la

    Skype: Power-Tecnology

    Telegram : PowerEmails

    Whatsapp: (11)98197-6653

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *