Antiquário de Cachoeira do Campo, distrito de Ouro Preto, é surpreendido por operação que apreendeu 54 peças sacras

É Top , , , ,

A operação Estrela-Guia surpreendeu um antiquário de Cachoeira do Campo, distrito de Ouro Preto. A apreensão foi realizada entre os dias 18 e 19 de dezembro pelo Ministério Público de Minas Gerais e da Coordenadoria das Promotorias de Defesa do Patrimônio Cultural, com o apoio do Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico (Iepha-MG) e do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan).

Foram apreendidas 54 peças sacras. Entre elas, estão colunas de retábulos, castiçais, esculturas em madeira e peças em metal prateado, todas com características de pertencerem a templos religiosos de culto coletivo.

Os mandados de busca e apreensão foram solicitados pelo MPMG – após apuração e constatação de evidências de que o antiquário possuía itens do século XVIII com essas características. O próximo passo será fazer a perícia dos itens apreendidos para identificar sua origem e procedência. A avaliação será feita por uma comissão composta de representantes do MPMG, Iphan, Iepha e Arquidiocese de Mariana. O objetivo é que as peças identificadas sejam restituídas aos templos dos quais foram extraídas ou destinadas a instituição cultural de natureza pública.

O comércio ilícito de bens culturais é o terceiro maior mercado ilegal do mundo, atrás apenas de drogas e armas. Embora já no século XVIII houvesse notícias de furto de bens da igreja, a maior incidência dá-se no século XX, quando houve valorização do barroco mineiro e as peças sacras adquiriram o caráter de obra de arte, tornando-se objeto de interesse para colecionadores e comerciantes de antiguidades. Estima-se que 60% dos bens culturais móveis do estado de Minas Gerais tenham sido retirados de seus locais de origem.

Fonte: Coordenadoria das Promotorias de Defesa do Patrimônio Cultural www.mpmg.mp.br

Foto/Crédito-Divulgação MPMG

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *