Acervo privado de Israel Pinheiro é doado ao Arquivo Público Mineiro

É Top , , , , , ,

Segundo Oscar Niemeyer: “Sem o Israel, não existiria Brasília”.

Um importante acervo composto por milhares de cartas, documentos, fotos, mapas, fotos e cartões postais que integram o acervo privado do ex-governador Israel Pinheiro será cedido ao Arquivo Público Mineiro. A miríade documental que passa a ser disponibilizada a toda a sociedade para consulta e pesquisas compreende os anos de 1896 a 2002. A cerimônia que oficializa a doação acontece na próxima terça (27), na sede do APM (Avenida João Pinheiro 372, Funcionários, Belo Horizonte, Minas Gerais). A entrada é franca.

A cessão do material pela família do fundador da Companhia Vale do Rio Doce para a Secretaria de Estado de Cultura visa garantir a guarda permanente e sua disponibilização para consulta, democratizando o acesso do material por meio do APM. Figura de relevo da história de Minas Gerais, Israel Pinheiro foi governador de Minas Gerais (1966 e 1971), secretário de Benedito Valadares, deputado federal, presidente da Novacap e prefeito de Brasília.

O acervo privado de uma figura pública da importância de Israel Pinheiro possui uma dimensão histórica e memorialística, conforme explica o Superintendente do Arquivo Público Mineiro, Thiago Veloso Vitral. “O material doado é extremamente relevante para a realização de pesquisas e para a preservação da memória de um importante período da nossa história. Além disso, o acervo privado de Israel Pinheiro é muito rico. Estamos muito contentes com a generosidade e a sensibilidade da família em ter preservado e disponibilizado o material”, pontua Thiago.

A catalogação de todo material contou com a colaboração da nora de Israel Pinheiro, Vera Pinheiro, e sua filha Maria Paula Pinheiro. O acervo possui registros nos mais variados suportes, como documentos textuais, iconográficos, cartográficos e audiovisuais. São milhares de correspondências trocadas entre familiares, cartões postais e de visitas, além de documentos relacionados ao funcionamento e à administração da Cerâmica João Pinheiro. Registros que elucidam com bastante riqueza a trajetória pública de Israel Pinheiro em sua atuação como Secretário da Agricultura, presidente da Companhia Vale do Rio Doce, deputado federal, presidente da Novacap (empresa pública encarregada da construção da nova capital federal), prefeito de Brasília e governador de Minas Gerais. Há também documentação sobre homenagens prestadas à Israel Pinheiro como na ocasião do centenário do seu nascimento, além de uma variedade de recortes de jornais e revistas organizados pelo próprio titular, o que sugere seu cuidado com a perpetuação de sua memória.

A documentação teve sua organização viabilizada por meio de um projeto empreendido pela Associação Cultual do Arquivo Público Mineiro (ACAPM) no qual foram feitas adequações às exigências metodológicas arquivísticas. As cerca de 3.500 fotografias do acervo retratam episódios da história mineira e brasileira, transcorridas ao longo do século XX, com destaque para o belíssimo conjunto fotográfico que registra a experiência desbravadora da construção de Brasília.

Anota aí:

Cerimônia de assinatura de termo de doação de acervo privado do Israel Pinheiro ao Arquivo Público Mineiro

Local: Arquivo Público Mineiro – Avenida João Pinheiro 372, Funcionários, Belo Horizonte/MG

Data: 27 de junho de 2017

Horário: 18h

Informações: (31) 3269-1167

Com:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *