Parque Municipal Américo Renné Giannetti recebe última apresentação do Encontro de Bandas de Música 2018

Agenda Cultural, Em Belo Horizonte , , ,

Para fechar com chave de ouro a ação que levou os acordes das tradicionais bandas de música à capital mineira, oParque Municipal Américo Renné Giannetti abre suas portas para as últimas apresentações do II Encontro de Bandas de Música, projeto desenvolvido pela Secretaria de Estado de Cultura e a Companhia de Desenvolvimento de Minas Gerais – Codemge. O terceiro espetáculo, da série de três, acontece neste sábado (30), às 10h, no centenário parque belo-horizontino, em frente ao charmoso Teatro Francisco Nunes. O evento vai contar com a participação da Corporação Musical União Operária, de Nova Lima (território Metropolitano), da Filarmônica do município de Santa Cruz do Escalvado (território Caparaó) e da Sociedade Musical Santa Cecília, do município de Mariana (território Metropolitano). A entrada é gratuita.

A iniciativa faz parte do programa Banda de Minas, edital da Secretaria de Estado de Cultura que atua na promoção, valorização e permanência das bandas civis e militares por meio da doação de instrumentos musicais, vestimentas e indumentárias, realização de oficinas, e outras ações de fomento a essa tradicional manifestação artística.

Além das apresentações musicais, o encontro deste sábado vai contar com a solenidade de entrega de instrumentos referente ao edital 2017 do Bandas de Minas. A centenária Corporação Musical União Operária, que se apresenta na festa, é uma das 74 bandas contempladas no certame do ano passado. Com 118 anos de história, a Sociedade Musical Santa Cecília também foi uma das vencedoras da última seleção e fará ressoar seus acordes pelo Parque Municipal. Para o presidente da banda marianense, José Antônio Roberto, a doação dos equipamentos musicais são essenciais para a continuidade dos trabalhos e demonstra a importância da iniciativa para o fomento dessa manifestação artística. “As pessoas não imaginam o quanto esses instrumentos são importantes para nós. A banda tem por volta de 50 músicos e adquirir instrumentos de qualidade é praticamente impossível pelo alto custo dos equipamentos. Com a doação nós mantemos nossas atividades e a Sociedade Musical Santa Cecília pode levar ao público apresentações cada vez melhores”, pontua José.

Com aproximadamente 700 bandas de música espalhadas por seus territórios, Minas Gerais é o estado com maior número de registro deste tipo de banda, sendo reconhecido como um celeiro de músicos desta tradição. De acordo com o secretário de Estado de Cultura, Angelo Oswaldo, “as bandas civis e militares são um importante componente cultural e de fomento à formação de músicos em todo o estado. Elas contribuem para manter a música viva na emoção de cada cidade”.

A última série de apresentações do Encontro de Bandas de Música 2018 conta com o apoio da Prefeitura de Belo Horizonte, que cedeu o Parque Municipal para a realização do evento.

Foto: Omar Freire

ENCONTRO DE BANDAS DE MÚSICA 2018

A série de três eventos do II Encontro de Bandas de Música teve início no dia 16 de junho, na Praça Duque de Caxias, no bairro Santa Tereza, com a apresentação da Associação da Banda de Música, de Jaboticatubas (território Metropolitano), da Banda de Música União dos Artistas, localizada em Sete Lagoas (território Metropolitano), e da Sociedade Musical Santa Cecília, de Conselheiro Lafaiete (território Vertentes).  Já no dia 23 de junho, a iniciativa ocupou o Centro de Cultura Presidente Itamar Franco, que abriga a Orquestra Filarmônica de Minas Gerais, a Rede Minas, a Rádio Inconfidência e a Mineiraria: a casa da gastronomia mineira. Participaram da segunda etapa do projeto a Corporação Musical Euterpe Operária, localizada em Lavras (território Sul), a Corporação Musical Santa Cecília, do município de Tabuleiro (território Mata) e a Banda Sinfônica do Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais.

PROGRAMA BANDAS DE MINAS

O edital, realizado pela Secretaria de Estado de Cultura, com recursos da Companhia de Desenvolvimento de Minas Gerais – Codemge, atua na promoção, valorização e permanência das bandas civis de música, por meio de doações de instrumentos musicais e kits de partituras, bem como a realização de cursos e oficinas de capacitação de acordo com sua disponibilidade de recursos. O Programa também dá suporte às corporações musicais com a doação de vestimentas e indumentárias.

O edital 2017 contou com algumas inovações, como a inserção das bandas militares em seu escopo. O programa disponibilizou R$ 1 milhão para a compra de aproximadamente 696 instrumentos para Bandas Civis de Música de Minas Gerais como forma de contribuir para a manutenção e o aperfeiçoamento desta tradicional manifestação artística. Ao todo, 74 bandas civis e duas bandas militares foram contempladas e agraciadas com diversos instrumentos, entre os quais bombardão, bombardino, bumbo, clarinete, flauta, pratos, saxofone, sousafone, trombone de vara, trompa e trompete.

 

Data: 30 de junho (sábado)

Local: Parque Municipal Américo Renné Giannetti (Avenida Afonso Pena, 1377 – Centro, Belo Horizonte/MG)

Horário: 10h

Bandas:

Corporação Musical União Operária, da cidade de Nova Lima (território Metropolitano)

Filarmônica do município de Santa Cruz do Escalvado (território Caparaó)

Sociedade Musical Santa Cecília, de Mariana (território Metropolitano)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *