Novo mercado cervejeiro brinda amantes da boa cerveja artesanal em BH

Agenda Cultural, Em Belo Horizonte , , , ,

Um espaço dedicado à valorização e apreciação das cervejas artesanais mineiras. Este é o objetivo do Mercado Cervejeiro, empreendimento que será inaugurado em julho no Jardim Canadá (Nova Lima). Diferentemente de outros locais, onde a gastronomia reina e as bebidas complementam os pratos, a ideia aqui é ser um ponto em que as cervejas predominem e sejam as estrelas e possam ser acompanhadas de alguns ótimos pratos de estabelecimentos renomados da capital mineira.

“São ao todo 1.500 metros quadrados com capacidade para 21 estandes, entre cervejarias e restaurantes e com capacidade de circulação de mil pessoas simultaneamente. O critério de escolha dos membros gastronômicos do Mercado foi a diversidade no cardápio e as possibilidades de harmonização com as cervejas artesanais. Selecionamos restaurantes que tivessem uma proposta de valor alinhada à culinária tradicional, seguindo a linha de tira gostos de boteco. Já o critério das cervejarias, foi por qualidade e reputação”, explica a empresária Fernanda Ribeiro Massote, idealizadora do projeto.

A idealizadora do Mercado Cervejeiro é a empresária Fernanda Ribeiro Massote, formada em Tecnologia em Gastronomia pela Estácio de Sá, Sommelier pela ABS Minas, com MBA em gestão de negócios pela UNA BH e já é proprietária de uma distribuidora de produtos para panificação. Uma das propostas do empreendimento é também fomentar cursos e eventos na área da gastronomia, com grande destaque em cerveja e panificação.

Entre as marcas já confirmadas no Mercado Cervejeiro encontram-se as cervejarias Krug Bier, Capa Preta, Koala, Falke Bier, Kud, Albanos e Prussia Bier e os restaurantes Vegan2Go, Pizza Sur, Black Burguer, Bem Bolado, Salumeria Central e Sorveteria Universal. As negociações estão para serem fechadas também com a Backer, StohlBerg e Bar do Doca e também está programada a realização de uma feira no entorno do Mercado com produtores da região, em parceria com a plataforma Fazendinha. O funcionamento é semelhante ao dos tradicionais mercados europeus – onde existe um caixa único com modelo de crédito em cartão próprio do Mercado Cervejeiro (ou aplicativo), além de espaço kids, segurança e conforto. A expectativa inicial de público é de 15 mil pessoas mensalmente.

O objetivo, segundo Fernanda, é oferecer uma variedade de cervejas artesanais em um ambiente simples e agradável, com cara de mercado e com preços justos e com uma programação cultural qualificada. “Queremos que o público tenha uma experiência de mercado com uma diversidade de produtos de qualidade (principalmente as cervejas artesanais), culinária simples e qualificada e ótimas atrações culturais para adultos e crianças”.

Nos primeiros meses de funcionamento, o Mercado Cervejeiro abrirá as portas de quinta a sábado, de 11h às 23h e aos domingos, das 11h às 18h. Estão previstas a criação de uma webrádio do mercado, oficinas de artes, espetáculos infantis, workshops sobre produção de cervejas, exposições de artes, shows musicais e teatrais.

O projeto arquitetônico é de Fabiano Monteiro de Barros, com foco em resgatar a ideia dos antigos mercados, que sempre fizeram parte dos grandes centros urbanos. O desenho convida as pessoas a entrar por um grande hall de acesso, com amplo espaço de convivência rodeado pelos estandes de comidas e bebidas. Uma das premissas do projeto é seu planejamento ecológico, ressaltando o uso de materiais e técnicas construtivas de baixo impacto ambiental e uso de técnicas sustentáveis.

Como exemplo, foi detalhadamente pensado o aproveitamento da luz natural. Parte do telhado do prédio foi projetado com telhas translúcidas para alcançar este objetivo e, usou-se também, parte dos cerca de 900m² do telhado para captação de água de chuva, que será armazenada em depósitos subterrâneos para uso nos sanitários e áreas de jardim do prédio.

“Esse foi um dos motivos para o uso do tijolo ecológico, que não leva a queima em seu processo de cura, produzindo menos emissão de gases de efeito estufa – GEE para a atmosfera, além de lembrar, através de sua textura marcante, das grandes construções do século passado, como, por exemplo, a antiga e restaurada fábrica da Heineken na Holanda.Foi também buscando reforçar a premissa da sustentabilidade que usamos algumas técnicas para o conforto térmico dos ocupantes como a ventilação cruzada, que força a entrada de ar frio através de janelas instaladas por quase toda extensão do prédio, e expulsa ar quente gerado naturalmente pelos lanternins localizados no telhado construído com telhas sanduíche”, destaca o arquiteto responsável.

Mercado Cervejeiro

Endereço: Avenida Montreal, 232, esquina com Rua Ontário – Jardim Canadá – Nova Lima

Horário de funcionamento: quinta a sábado, de 11h às 23h e aos domingos, das 11h às 18h

Formas de pagamento: dinheiro e principais bandeiras de cartões

Capacidade: 1000 pessoas

Telefone: (31) 3581-3187

Texto e divulgação de fotos: Primeiro Plano Comunicação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *