Novidades quentes pra quem curte geladas artesanais

Agenda Cultural, Em Belo Horizonte , , , ,
  1. Jungle na Copa – Nova edição do Festival Junglebier será na Cervejaria Verace no dia 17 de junho

Evento será open bar e open barbecue, inclui produção ao vivo de uma cerveja russa e também transmissão do jogo do Brasil contra a Suíça. A próxima edição do Junglebier será um evento especial em homenagem à Copa do Mundo e se transfere de Macacos para o Jardim Canadá, em Nova Lima, nas dependências da Cervejaria Verace. O Jungle na Copa será uma festa open bar com três opções de chopes da Verace (Weiss, ViennaLager e Pilsen) e também open barbecue. No dia, será feita uma brasagem especial da cerveja russa Kvass e a transmissão da partida da seleção brasileira contra a Suíça, às 15h.

A música fica por conta de três atrações de diferentes estilos. Uma é o Sax House Beat, formada pelo DJ Lincoln Willy e o saxofonista Serggio Ferreira, que une música eletrônica ao toque sofisticado do saxofone. Asegunda é o cantor e compositor Ronanzinho que toca o melhor do sertanejo e a terceira é a banda La Bière (Breja Music). Conhecida no cenário cervejeiro pela animação de seus integrantes, a banda apresenta além do Rock’n Roll, roupagens criativas que passam pelo samba, maracatu, brega, carimbó e guitarradas.

 Jungle na Copa

Data: 17 de junho – domingo

Horário: 14h às 18h30

Local: Cervejaria Verace – Avenida Canadá, 212 – Jardim Canadá – Nova Lima

Ingressos:https://www.sympla.com.br/jungle-na-copa—brasil-x-suica__285901 ou na fábrica da Verace (ponto físico)

Pré-venda por R$ 100 e pré-venda de mesa com quatro lugares por R$ 380

1º lote: R$ 120 e mesa com quatro lugares por R$ 400

2º lote: R$ 150 e mesa com quatro lugares por R$ 500

Realização: Junglebier e Cervejaria Verace

2) Hofbrähaus BH dá início ao processo de seleção de franqueados no Brasil

A Hofbräuhaus BH dá início ao processo de seleção e análise de propostas para abertura de franquias da casa ou entrada de fundos de investimento. A ideia inicial é abrir para interessados dentro do território brasileiro e depois ampliar para toda América Latina. Aprojeção inicial é de abertura de oito ou nove casas nos próximos nove anos, segundo os sócios Bruno Vinhas e Henrique Rocha. Hoje, existem filiais da Hofbräu nos Estados Unidos, China, Austrália, Emirados Árabes, Rússia e Alemanha, mas a unidade brasileira é a única master franqueadora que existe e a única unidade da América Latina.

 O processo está em desenvolvimento e toda candidatura a franquia ou possível investidor passará pela análise e aprovação da matriz alemã, que verifica detalhadamente cada pormenor do negócio para que saia exatamente nos padrões da Hofbräu. “Trazer a HB para o Brasil levou alguns anos de negociação para chegarmos ao modelo ideal e, ainda hoje, cada aspecto de funcionamento da casa e da fabricação das cervejas segue os critérios da matriz para que seja uma réplica quase exata da original. É assim em todo o mundo, com algumas pequenas diferenças de acordo com as peculiaridades locais”, destaca Bruno Vinhas. A casa de BH, por exemplo, apesar de sua importância estratégica é a menor de todas, com capacidade para apenas 350 pessoas sentadas. A maioria dos projetos comporta mais de mil lugares.

 A Hofbräuhaus BH se enquadra no modelo BrewPub, em que a fábrica é ligada ao restaurante e as cervejas servidas são “frescas”, saídas diretamente dos tanques. Segundo os sócios, cada detalhe, desde o projeto arquitetônico – desenvolvido pelo aclamado arquiteto Gustavo Penna – até a decoração, escolha dos móveis, lustres, equipamentos, mestre-cervejeiro, chef de cozinha, pratos e até as músicas passaram pelo crivo dos alemães para que os consumidores e clientes possam sentir sons, aromas e sabores como se estivessem realmente lá.

Na foto em destaque: Bruno Vinhas e Henrique Rocha, da Hofbräuhaus BH. Crédito: Edy Fernandes.

3) Festival Beer Horizonte muda de dia e local no mês de junho- 

 Mudança de planos. A terceira edição do Beer Horizonte muda de data e local para melhor atender ao seu público. O festival de cervejas artesanais será desta vez realizado no sábado (16/06), no mesmo horário – 11h às 20h e também muda de local da Savassi para a Praça JK, no bairro Sion. A Fog Eventos é a idealizadora do evento, que tem entrada gratuita mediante retirada de ingressos via Sympla. O foco é trazer entretenimento com segurança para as crianças e tranquilidade para os pais.

Estão confirmadas 13 cervejarias artesanais – Avessa, Confrades, Düun, Emmerich, Fatach, Krug Bier, São Jorge, Siberiana, Trinca, Vinil, Backer, Hofbräuhaus e Loba -e também oito food trucks com estilos variados de comida irão fornecer os comes e bebes para alegrar o público. Destaque para os sanduíches artesanais do Food Truck Rock City.

Situada no bairro Sion, a Praça Juscelino Kubitschek, mais conhecida como JK, conta com opções de lazer, como quadra de futebol, equipamentos de ginástica e brinquedos. Possui duas pistas para caminhada, quadras, ciclovia, aparelhos para ginástica e espaço para eventos artístico-culturais.A principal via de acesso é pela Avenida Bandeirantes. A estrutura do Beer Horizonte inclui estandes para as cervejarias e um palco para apresentação das bandas Lurex, Seu Madruga e Alexandre da Mata & The Black Dogs.

A banda Lurex foi formada em 2000 e seu repertório é um tributo ao Queen e todos os seus clássicos sucessos.Alexandre da Mata & The Black Dogs apresentam canções autorais e também fazem cover bandas clássicas do rock &blues como Rolling Stones, Cream, Creedence, Jimi Hendrix, Led Zeppelin, SRV, Buddy Guy, Eric Clapton e ZZ top, entre outros.Seu Madruga é bem conhecida no cenário mineiro e foca nos sucessos do AC/DC com um bom toque de humor. Tocam os clássicos que vão da fase Bon Scott à fase Brian Johnson, sem descartar nenhum dos maiores sucessos da banda australiana.

Novamente nesta edição, a Recreart monta seu espaço kids,com um park com cinco brinquedos infláveis, vídeo games entre outras diversões para as crianças. A entrada é cobrada e o espaço conta com monitores para garantir a segurança e a diversão dos pequenos.

 3ª edição do Beer Horizonte

Data: 16 de junho – sábado

Horário: 11h às 20h

Local: Praça JK – bairro Sion

Telefone: (31) 4129-0191

WhatsApp: (31) 99441-0017

E-mail:beerhorizonte@eventosfog.com.br

Ingressos:https://www.sympla.com.br/beer-horizonte—junho__299065

4) Mercado Cervejeiro abre suas portas no Jardim Canadá para todos os amantes da boa cerveja artesanal

Empreendimento vai gerar mais de 100 empregos diretos e indiretos e investimento de três milhões de reais

Um espaço dedicado à valorização e apreciação das cervejas artesanais mineiras. Este é o objetivo do Mercado Cervejeiro, empreendimento que será inaugurado em julho no Jardim Canadá (Nova Lima). Diferentemente de outros locais, onde a gastronomia reina e as bebidas complementam os pratos, a ideia aqui é ser um ponto em que as cervejas predominem e sejam as estrelas e possam ser acompanhadas de alguns ótimos pratos de estabelecimentos renomados da capital mineira.

“São ao todo 1.500 metros quadrados com capacidade para 21 estandes, entre cervejarias e restaurantes e com capacidade de circulação de mil pessoas simultaneamente. O critério de escolha dos membros gastronômicos do Mercado foi a diversidade no cardápio e as possibilidades de harmonização com as cervejas artesanais. Selecionamos restaurantes que tivessem uma proposta de valor alinhada à culinária tradicional, seguindo a linha de tira gostos de boteco. Já o critério das cervejarias, foi por qualidade e reputação”, explica a empresária Fernanda Ribeiro Massote, idealizadora do projeto.

A idealizadora do Mercado Cervejeiro é a empresária Fernanda Ribeiro Massote, formada em Tecnologia em Gastronomia pela Estácio de Sá, Sommelier pela ABS Minas, com MBA em gestão de negócios pela UNA BH e já é proprietária de uma distribuidora de produtos para panificação. Uma das propostas do empreendimento é também fomentar cursos e eventos na área da gastronomia, com grande destaque em cerveja e panificação.

Entre as marcas já confirmadas no Mercado Cervejeiro encontram-se as cervejarias Krug Bier, Capa Preta, Koala, Falke Bier, Kud, Albanos e Prussia Bier e os restaurantes Vegan2Go, Pizza Sur, Black Burguer, Bem Bolado, Salumeria Central e Sorveteria Universal. As negociações estão para serem fechadas também com a Backer, StohlBerg e Bar do Doca e também está programada a realização de uma feira no entorno do Mercado com produtores da região, em parceria com a plataforma Fazendinha. O funcionamento é semelhante ao dos tradicionais mercados europeus – onde existe um caixa único com modelo de crédito em cartão próprio do Mercado Cervejeiro (ou aplicativo), além de espaço kids, segurança e conforto. A expectativa inicial de público é de 15 mil pessoas mensalmente.

O objetivo, segundo Fernanda, é oferecer uma variedade de cervejas artesanais em um ambiente simples e agradável, com cara de mercado e com preços justos e com uma programação cultural qualificada. “Queremos que o público tenha uma experiência de mercado com uma diversidade de produtos de qualidade (principalmente as cervejas artesanais), culinária simples e qualificada e ótimas atrações culturais para adultos e crianças”.

Nos primeiros meses de funcionamento, o Mercado Cervejeiro abrirá as portas de quinta a sábado, de 11h às 23h e aos domingos, das 11h às 18h. Estão previstas a criação de uma webrádio do mercado, oficinas de artes, espetáculos infantis, workshops sobre produção de cervejas, exposições de artes, shows musicais e teatrais.

O projeto arquitetônico é de Fabiano Monteiro de Barros, com foco em resgatar a ideia dos antigos mercados, que sempre fizeram parte dos grandes centros urbanos. O desenho convida as pessoas a entrar por um grande hall de acesso, com amplo espaço de convivência rodeado pelos estandes de comidas e bebidas. Uma das premissas do projeto é seu planejamento ecológico, ressaltando o uso de materiais e técnicas construtivas de baixo impacto ambiental e uso de técnicas sustentáveis.

Como exemplo, foi detalhadamente pensado o aproveitamento da luz natural. Parte do telhado do prédio foi projetado com telhas translúcidas para alcançar este objetivo e, usou-se também, parte dos cerca de 900m² do telhado para captação de água de chuva, que será armazenada em depósitos subterrâneos para uso nos sanitários e áreas de jardim do prédio.

“Esse foi um dos motivos para o uso do tijolo ecológico, que não leva a queima em seu processo de cura, produzindo menos emissão de gases de efeito estufa – GEE para a atmosfera, além de lembrar, através de sua textura marcante, das grandes construções do século passado, como, por exemplo, a antiga e restaurada fábrica da Heineken na Holanda.Foi também buscando reforçar a premissa da sustentabilidade que usamos algumas técnicas para o conforto térmico dos ocupantes como a ventilação cruzada, que força a entrada de ar frio através de janelas instaladas por quase toda extensão do prédio, e expulsa ar quente gerado naturalmente pelos lanternins localizados no telhado construído com telhas sanduíche”, destaca o arquiteto responsável.

Mercado Cervejeiro

Endereço: Avenida Montreal, 232, esquina com Rua Ontário – Jardim Canadá – Nova Lima

Horário de funcionamento: quinta a sábado, de 11h às 23h e aos domingos, das 11h às 18h

Formas de pagamento: dinheiro e principais bandeiras de cartões

Capacidade: 1000 pessoas

Telefone: (31) 3581-3187

Divulgação: Primeiro Palno Comunicaão

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *